Copy
Celebrate \o/


<<Seu nome>>, que bom que você veio pra festa! Vai entrando, põe as bebidas ali, tem mais gente vindo, pode ficar à vontade. Afinal você é de casa: esse é o espaço onde sempre nos encontramos para nossos papos – mas você reparou nos balões e nas luzinhas que coloquei hoje?
 
Tô muito no clima da comemoração: é a felicidade de ter chegado tão longe com esse projeto, é a satisfação que tenho por ter tornado essa história tão grande. Porque Bobagens Imperdíveis não é só uma newsletter. Pode ter o formato de e-mail, mas é encontro. É conversa. Acima de tudo, é uma história.
 
História que começou com a vontade de chegar mais perto. E em tempos de redes sociais, todo mundo tão exposto e se vendo o tempo inteiro, o que poderia ser realmente íntimo? Aí teve uma banana para o Facebook e tudo começando com a gente sentando juntos para contar histórias.
 
Teve aquela da menina que pedia pra mãe passar do chefão do vídeo-game, teve a outra sobre a adolescência roqueira e outra ainda mais constrangedora sobre no primeiro aniversário dar a língua para a vela em vez de assoprar.
 
Teve a história de uma máquina que volta no tempo e deixa os reacionários no passado, teve aquela sobre um programa no Discovery que analisava a curiosa espécie dos tímidos; teve a do gato crente e do gato cético, e também a da baleia branca que não aguentava mais fugir dos baleeiros.
 
Apareceu água-viva imortal, apareceu centopeia gigante engolindo uma cobra inteira, apareceu o Papa, apareceu o Sílvio Santos, apareceu Carl Sagan, Ronda Rousey, Ana Ratauêi, apareceu Katniss, apareceu o Malafaia, apareceu Brasília e apareceu <<Seu nome>>.
 
A trilha sonora foi uma mistura de jazz afrofuturista, banda indie e divas pop. De “It’s the end of the world as we know it” a “Taca pedra na Geni, joga bosta na Geni”, de Sia a Raul Seixas, de Beyoncé a Solange, com pitadas generosas de Amanda Palmer, que não poderia faltar.
 
Teve a história de uma seita secreta de bruxas que cultuavam o silêncio. A história em que você tinha 10 anos, fugiu de casa por ter homenzinhos estranhos te perseguindo e recebeu a ajuda de um casal de lésbicas que te acolheu. Teve também aquela história em que você passou pelas 12 casas do ano em busca de sua Realização. Teve a história em que invadi o Templo de Salomão e também a história de todos nós passando pela festa da democracia e vomitando no tapete de tanta decepção.
 
Teve histórias absurdas, reais, de terror, de ficção científica. Teve a vez em que te alertei sobre não abrir a porta para o carteiro amaldiçoado. Teve a história em que, num futuro em que a sociedade se reconecta com a natureza, conto como encontrei uma árvore com o seu nome. Teve a história em que dei a volta em Saturno e olhei com nostalgia para o lugar no espaço onde ficaram as histórias vividas na Terra. Teve a história do ácaro capricorniano escorrendo para o ralo exatamente como previa seu horóscopo.
 
Uma história que trouxe seus próprios personagens: uma senhorinha simpática que adora dar conselhos e usar a cor laranja. Um grupo super sentai só de mulheres com a missão de educar os jovens sobre astronomia. Uma entregadora de e-mails de pele azul que nas horas vagas também é uma arqueóloga aventureira do espaço.
 
Teve nudez, ilustração, receita de café com chá, críticas à internet, análise de filmes, indicação de livros, textão feminista, comentários sobre a Copa, notícias e links, textos sobre ciência, muitos gifs, eu entrevistando os leitores.
 
Teve a história da incapturável rainha Nzinga. Teve a história da humanidade evoluindo para descobrir que seu objetivo é servir de alerta para outras civilizações. Teve a história do copo de café-com-leite abandonado na Rodoviária. 
 
Tantas, tantas coisas. Uma história que chega ao seu 100º capítulo e nem queira saber quantas páginas, porque cê sabe como eu não tenho exatamente limites no que diz respeito ao tamanho dos textos. Uma história grande não apenas em tamanho, mas na importância que ganhou pra mim. Grande para você caber nela. Você e os 3 mil assinantes que receberam, durante 2 anos, esses textos sinceros & malucos todos os sábados de manhã.

alguns depoimentos de assinantes no tuinter
 
Se Bobagens Imperdíveis conseguiu chegar tão longe, só tenho a agradecer a você. A cada pessoa leitora que mesmo tímida não deixou de acompanhar essa história; a cada pessoa que abriu o coração pra mim em e-mails maravilhosos e cheios de carinho; a quem divulgou a newsletter, indicou para os amigos; às lindezas que participam e interagem no grupo de leitores no FB; a quem me deu ideias, opiniões, motivos para continuar o trabalho. Vocês. São. Fera.
 
2016 marca o início da terceira temporada de Bobagens. E espero que essa possa ser mais uma oportunidade para eu contar mais histórias e inventar coisas novas. Vem comigo?
 
E, para mostrar que essa temporada já chegou com o pé na porta e não está para brincadeira, tenho uma novidade que resolvi guardar para esta edição especial (a contagem regressiva era a minha própria ansiedade!) e que finalmente vou poder te contar – após o top de 3 comemorações:
 
Comemoração very crazy na baladinha

Comemoração sofisticadérrima


Comemoração a la Rihanna

 
Depois de tantos momentos e histórias serem publicados por e-mail, chegou a hora disso tudo virar algo maior: Bobagens Imperdíveis vai virar livro.
 
Isso mesmo, um livro impresso. Cheio de páginas. Para tocar, cheirar, colocar na prateleira, mostrar para as visitas. Um livro para, como a própria newsletter, te fazer companhia.
 
O livro será uma coletânea dos melhores textos que despertaram os leitores nas manhãs de sábado de 2014 e 2015, com textos sérios e engraçados, reais ou fictícios, sempre com o tom leve de uma conversa entre amigos que caracterizou tanto a newsletter. 
 
Serão mais de 150 textos sobre os mais variados temas – feminismo, cultura pop, inspiração e criatividade, literatura e cinema, opiniões e ficção.
 
Ah! E também estará cheio das minhas ilustrações ♥︎
 
capa meramente ilustrativa, rs
 
O livro Bobagens Imperdíveis será uma produção independente e já estou trabalhando para fazer algo bem bacaninha, lindo de morrer, cheio de amor. A ideia é lançar no final do primeiro semestre deste ano, se tudo der certo, mas isso também vai depender do interesse dos leitores!
 
Curtiu a ideia? Empolgou? Compraria o livro? Se você se interessou, eu gostaria MUITO de saber! Você pode manifestar seu interesse pelo livro colocando seu nome e e-mail neste formulário.
 
Dessa forma, vou conseguir manter os interessados informados sobre as novidades no projeto, mandando e-mails com o making-of, data de lançamento, detalhes do livro, preço. Colocar seu nome na lista também me ajuda a ter noção da tiragem, porque será uma edição especial e limitada :)
 
 

É hora dos presentes

 
Como toda boa festa, não poderiam faltar os presentes – que aqui representam a minha forma de te dizer “muito obrigada”! E tem forma melhor de dizer isso do que com arte?
 
A Editora Rocco veio participar da festa e, muito melhor que trazer bebidas ou acepipes, trouxe esses 3 livros de autoras maravilhosas para eu dar de presente:

“Desperdiçando Rima”, sobre o qual já escrevi aqui, é o primeiro livro da cantora Karina Buhr, recheado de poesias e de suas próprias ilustrações, e nele a autora se revela e se posiciona sobre um universo de temas, desde feminismo até questões urbanas.


“Alif, o Invisível” foi escrito pela G. Willow Wilson, a mesma autora que escreveu a nova Ms. Marvel como uma garota muçulmana! A história é sobre um jovem hacker – meio árabe, meio indiano – em meio a uma aventura que mistura intrigas com o governo, ciência da computação e um poderoso livro pertencente ao mundo dos djins.

“A arte de ser normal” traz para o universo da literatura juvenil o protagonismo trans: Lisa Williamson escreve a história do adolescente David, e de como se relaciona com o mundo ao perceber que há nele o conflito da identidade de gênero: aos 14 anos, descobre seu desejo de ser uma garota.
 
Para participar do sorteio, tem que ser assinante de Bobagens (claro), mas em vez de sortear entre todos os nomes da lista, quero privilegiar quem abriu esta edição e quer muito um desses três livros. Para participar do sorteio, só colocar seu nome e seu e-mail aqui.
 
Os assinantes pagos, que generosamente contribuem com uma quantia mensal para eu continuar o meu trabalho, também vão poder participar de + 1 sorteio: as minhas aquarelas “Sereias são mamíferas” e “Oficina Rey & Furiosa”.




 
Vou divulgar os resultados na edição do dia 30 de janeiro, fique de olho ;)
 
Mas espera, que não acabou!
 
A minha vontade era dar um presente para todo mundo, mas é tanta gente que a logística e os recursos dificultam um pouco as coisas. Mas eu pensei, e pensei, e pensei, até a Dona Mexerica, velha conhecida desta newsletter, me acenar com uma ideia.
 
Assim surgiram as Cartas da Dona Mexerica para Situação de Emergência: um deck de 12 cartas ilustradas com conselhos da personagem mais sábia desta newsletter para aqueles momentos em que você precisar de uma palavra amiga de motivação. Ta-daaaa!


algumas das cartinhas
 
Você pode fazer o download gratuito das cartas, imprimir na sua casa, usar como preferir e ainda compartilhar com quem você quiser! Para recolher o seu presente, basta clicar aqui para fazer o download do arquivo ♥︎
 
 

O que virá pela frente?

 
Esta edição é o marco de 100 semanas consecutivas, sem pular nenhuma, escrevendo textos exclusivos para esta newsletter. 
 
Sei que muitos leitores amam esse negócio de receber um e-mail novo todo sábado de manhã, mas acompanho o acesso dos e-mails e vejo que menos da metade abre a newsletter semanalmente; a maioria deixa acumular ou abre só uma parcela dos e-mails durante o mês.
 
Se é difícil de acompanhar esse ritmo lendo, imagine escrevendo e mantendo a qualidade do conteúdo.
 
Nesta terceira temporada, Bobagens Imperdíveis passará a ser enviado 2 vezes por mês, sem um dia certo nem hora marcada. Vou te pegar de surpresa e te escrever quando eu tiver algo interessante para compartilhar.
 
Isso não significa que produzirei menos, mas que vou precisar de tempo para produzir com mais qualidade e que vou produzir MUITO, só que não apenas para Bobagens Imperdíveis.
 
Só pra citar alguns exemplos, entre os projetos planejados para 2016 estão o lançamento do livro de Bobagens, como contei pra você aqui, e o do meu livro do oceano. Além disso, novos contos, ilustrações, textos e livros não vão faltar.
 
A história de Bobagens Imperdíveis continua em um novo capítulo. E há muitas outras histórias no caminho à frente; espero poder continuar contando cada uma delas para você. Vamos? 

Nas edições passadas



Clique aqui para ver todas as edições.

Se curte receber meus e-mails, não se esqueça de indicar prazamiga, mandando este link. Obrigada!
Em janeiro, me forcei a tirar férias porque estou só a capa do Batman e se eu não parar um pouco não consigo continuar. Aquele momento de renovar as energias para dar conta do caminho pela frente, sabe? Dizem que é bom, mas não sei, não lembro como é.
 
Aproveita essa minha breve ausência e se inscreve no meu canal do Youtube! Já tem alguns vídeos no ar e outros agendados para as próximas semanas. Mas já deixa sintonizado porque em breve terá novos conteúdos e outros formatos de programa por lá.
 
Espero que tenha gostado das novidades, do presente e boa sorte no sorteio!
 
Beijos centenários,
 
Aline. 
Tweet
Share
Forward

Email Marketing Powered by Mailchimp