Copy
MNA Digital: Boletim n.º 53
Problemas a visualizar?
Veja este e-mail no seu browser
Próximas atividades
No MNA
10 e 24 de fevereiro, às 16h00, Salão Nobre
Peça de teatro "As Naus de Verde Pinho", de Manuel Alegre
 
AS NAUS DE VERDE PINHO de Manuel Alegre conta a grandiosa viagem de Bartolomeu Dias pela Costa Africana, até dobrar o Cabo da Boa Esperança. Foram sete dias e sete noites. Sete intermináveis dias assaltados por ventos, marés, monstros e demónios. Uma história feita por um Capitão audaz e uma frota abastecida de coragem, determinação e esperança.

AS NAUS DE VERDE PINHO é o livro escrito por Manuel Alegre – Prémio de Literatura Infantil António Botto, inserido no Plano Nacional de Leitura e recomendado pelas Metas Curriculares de Português no 2.º Ciclo – a que Vasco Letria dá vida.

Um espectáculo sem idade, que recorda o lugar dos Portugueses no Mundo, e nos ensina que os maiores monstros e as verdadeiras tempestades estão dentro de cada nós, lado a lado com a nossa coragem e ousadia.

Nesta criação, o encenador Vasco Letria recria a obra original, sempre fiel ao texto, extravasando toda a sua visão artística através da música, da expressão corporal e do video mapping, na construção de uma Nau (de Verde Pinho) que nos levará por um mar de aventuras.

Porque dentro de cada um de nós, há um Bartolomeu Dias, AS NAUS DE VERDE PINHO é um espectáculo mágico, para aprender e sentir.

Para mais informação e reservas contacte 916 762 706 ou reservas@focolunar.com.
Até março
Taça de Troia em exposição no MNA

Após a sua apresentação pública, na sequência do "achado" aquando de uma investigação científica que possibilitou a reconstituição da história deste objeto após a sua descoberta em Troia, a denominada Taça de Troia encontra-se exposta ao público no MNA até ao mês de março, momento em que regressará ao Museu-Biblioteca da Fundação da Casa de Bragança.

Relembramos que a história desta taça "perdida" foi alvo de um artigo na National Geographic.
Visitas virtuais ao MNA disponíveis no Google Arts and Culture
 
O MNA é um dos 20 museus, palácios e monumentos da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) que integra o projeto "Portugal: Pessoas e Paisagens", apresentado no passado dia 15 de janeiro no Museu Nacional dos Coches. Resultado de uma parceria entre o Google Arts and Culture e a DGPC, no âmbito do projeto Simplex+, o MNA disponibiliza, digitalmente naquela plataforma, bens culturais pertencentes ao seu acervo.

Pode agora ficar a conhecer um pouco melhor as coleções do MNA e visitar virtualmente algumas das exposições que propomos aqui.

O MNA encontra-se a preparar outras exposições virtuais com base nas suas coleções, pelo que todas as propostas nesse sentido serão muito bem recebidas.
Nota: Informa-se que as atividades que tenham lugar no Salão Nobre, Sala Bustorff ou em outras salas do primeiro piso não possuem acesso a pessoas com mobilidade reduzida, designadamente cadeirantes.
Extramuros
Até 16 de fevereiro de 2019
Exposição "Sob a chama da lucerna: Francisco de Holanda entre textos e imagens" na Biblioteca Nacional

Comemorando os 500 anos do nascimento de Francisco de Holanda, esta exposição, comissariada por Sylvie Deswarte-Rosa (CNRS; IHRIM), reúne as fontes e a historiografia da obra desta grande figura do Renascimento em Portugal.

O MNA participa nesta exposição mediante a cedência temporária de 33 fragmentos de iluminuras em pergaminho, que pertencem à sua coleção de manuscritos, atribuídos à oficina do pai do Humanista, António de Holanda.

Mais informação sobre a exposição aqui.
Até 24 de fevereiro de 2019
Exposição "The Lapedo Child and other stories from the Lagar Velho rock-shelter" no Museu de Arqueologia de Zagreb

No âmbito das comemorações dos 20 anos sobre a descoberta da Criança do Lapedo tem lugar, no Museu de Arqueologia de Zagreb, uma exposição que visa dar a conhecer o achado e o trabalho científico desenvolvido.

Inaugurada no passado dia 2 de dezembro e organizada por Ana Cristina Araújo e Ana Maria Costa do Laboratório de Arqueociências da DGPC e por Vânia Carvalho do Museu de Leiria, a exposição estará patente até 24 de fevereiro.
Até 21 de abril de 2019
Exposição "Contar Áfricas!" no Padrão dos Descobrimentos

A mostra "Contar Áfricas!" resulta de um desafio lançado a dezenas de investigadores e especialistas, que selecionaram peças e palavras, por forma a ilustrar um percurso que dá a conhecer a diversidade cultural em África.

Esta exposição, com a coordenação científico-museológica de António Camões Gouveia (NOVA|CHAM), reúne peças emblemáticas de diversas instituições, podendo-se destacar duas peças do MNA: a coleira de escravo do Carvalhal de Óbidos (Bombarral), escolha de Joacine Katar Moreira (investigadora do Centro de Estudos Internacionais do ISCTE, presidente e fundadora do INMUNE - Instituto da Mulher Negra em Portugal), e a máscara Tchokwe, em madeira esculpida, selecionada para esta exposição pela conservadora do MNA, Ana Isabel Santos.
Até 29 de junho de 2020
Exposição temporária "Ad Aeternitatem - os espólios funerários de Ammaia a partir da coleção Maçãs do Museu Nacional de Arqueologia" no Museu Cidade de Ammaia

Foi prolongada a exposição temporária "Ad aeternitatem - os espólios funerários de Ammaia a partir da coleção Maçãs do Museu Nacional de Arqueologia", no Museu Cidade de Ammaia em São Salvador da Aramenha (Marvão), estando patente ao público até meados de 2020.

Relembramos que esta exposição conta com um número significativo de peças das coleções do MNA, resultado das recolhas de António Maçãs e outros achadores locais que se relacionaram com José Leite de Vasconcelos e da doação de Delmira Maçãs.
Partilhe
Tweet
Encaminhe
Para ver
Exposições permanentes
Tesouros da Arqueologia Portuguesa

Coleção de ourivesaria arcaica constituída por 1.500 peças, fruto de aquisições e recolhas avulsas, das quais 600 se encontram expostas. Da coleção de joalharia antiga destaca-se um conjunto de ourivesaria pré-romana, um dos mais importantes em toda a Europa. Este conjunto contribui decisivamente para que o MNA seja o museu nacional com o maior número de bens classificados como "Bens de Interesse Nacional" (Tesouros Nacionais).
Egito
Antiguidades Egípcias

Coleção constituída por mais de 500 peças das quais cerca de 300 se encontram expostas. O acervo é o maior de Portugal e foi reunido por José Leite de Vasconcelos e pela família real, tendo sido também significativas as doações da família Palmela, Bustorff Silva e Barros e Sá. As peças expostas encontram-se distribuídas de acordo com um critério temático-cronológico desde a Pré-História à Época Copta, abrangendo um período de mais de 5.000 anos.
Exposições temporárias
Religiões da Lusitânia. Loquuntur Saxa

Retomando um tema e uma perspetiva de estudo muito cara a José Leite de Vasconcelos, apresenta-se esta exposição que convida a conhecer duas tradições religiosas, Hispania Aeterna e Roma Aeterna, que se mesclam por força da Pax Romana, e que foram estudadas de forma exaustiva pelo eminente investigador e fundador do museu, dando origem a uma importante obra cientifica e literária comemorada nesta mostra expositiva.
memoriasaotorpes
LOULÉ. Territórios, Memórias, Identidades

Esta exposição é um "Portugal arqueológico em miniatura" que espelha a história de Portugal, da Península Ibérica e da Europa. Um verdadeiro ponto de partida para uma viagem obrigatória até Loulé para descobrir o concelho e os seus tesouros mais bem guardados, como o Castelo de Salir, o Cerro da Villa e o centro histórico da cidade. 
A Biblioteca do Museu Nacional de Arqueologia está aberta de segunda a sexta, entre as 10h00 e as 18h00.

O seu catálogo bibliográfico encontra-se disponível na página da rede de bibliotecas da DGPC e pode contactar o serviço através do endereço de e-mail biblioteca@mnarqueologia.dgpc.pt.
Aconteceu
No MNA
Conservação e restauro de manuscrito judaico pertencente ao arquivo do MNA

Foi realizado recentemente o trabalho de conservação e restauro do manuscrito [Parecer sobre a expulsão e perdão geral dos judeus], c. de 1650-1700, Ms/Pp/DIV., cx. 8, n.º 552, Inv. 17726, pela conservadora-restauradora  Isabel Zarazúa. Este manuscrito foi identificado como fonte documental com interesse para a história judaica pela Comissão de Instalação do Museu Judaico de Lisboa, no âmbito da colaboração com o MNA, tendo assim sido possível reunir os meios para a realização desta intervenção.
Antes da intervenção.
Depois da intervenção.
Publicações no âmbito do projeto EU-LAC Museums

No âmbito do projeto EU-LAC Museums, que visa fomentar as relações entre a Europa e a América Latina e Caribe, através do estudo de ligações estreitas entre estes na área da museologia comunitária,o MNA editou duas publicações e 10 flyers. Os últimos dão a conhecer peças do acervo do MNA, tanto da coleção arqueológica (biface, placa gravada em xisto, urna, estátua de Guerreiro Calaico, estatueta de Fortuna), como da etnográfica (lancheira em cortiça, estatueta de rapariga vulgo "Primavera", "Zé Povinho", "Galo de Barcelos", guitarra portuguesa).

As publicações dão a conhecer a realidade portuguesa referente a museus comunitários, bem como o projeto, os membros do consórcio e as comunidades em estudo. As duas publicações, MUSEUS COMUNITÁRIOS. A realidade PortuguesaEU-LAC MUSEUMS Mission, Members and Communities, encontram-se disponíveis on-line.
Nota final

Carla Barroso, a colega que desde o primeiro número teve a seu cargo a edição do Boletim Digital do MNA, irá cessar a sua colaboração em virtude de dar início em fevereiro a um novo ciclo na sua vida profissional, em outra instituição nacional de referência. Cumpre-nos nesta hora agradecer-lhe a colaboração, também neste domínio.

A partir do próximo número, o Boletim Digital é editado em parceria por outros elementos da equipa do MNA: Maria Filomena Barata, Ana Teresa Rodrigues e Mário Antas.
Facebook
Facebook
Twitter
Twitter
YouTube
YouTube
Website
Website
Email
Email
Direção: António Carvalho | Edição: Carla Barroso | Textos: Equipa técnica do MNA
Imagens: Equipa técnica do MNA; Arquivo de Documentação Fotográfica / Direção-Geral do Património Cultural (ADF/DGPC), Google Arts & Culture, Isabel Zarazúa
 
Copyright © 2019 Museu Nacional de Arqueologia, Todos os direitos reservados.

 
Está a receber este boletim porque o seu endereço se encontra na nossa base de dados.
Não está interessado? Pode cancelar a subscrição.

Email Marketing Powered by Mailchimp